Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4 Acessibilidade 5 Alto contraste 6

---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Vargeão apresenta na ALESC, as ações do programa “Cuidando de Quem Cuida”

Publicado em 24/11/2021 às 10:39 - Atualizado em 24/11/2021 às 11:45

A Assembleia Legislativa de Santa Catarina foi palco da 1ª Mostra de Boas Práticas e Inovação na Educação. O evento, realizado presencial e virtualmente durante esta segunda-feira (22), disponibilizou para educadores e administradores públicos de todo o Brasil exemplos de 13 cidades catarinenses sobre o setor.

Clenilton Pereira, presidente da Federação Catarinense de Municípios (Fecam), entidade que promove a mostra, destacou a necessidade deste intercâmbio de ações. “Tudo o que acontece lá no Oeste a gente não fica sabendo no Norte ou no Sul. Olhem o exemplo de Anchieta, melhor Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) de Santa Catarina e quarto melhor do Brasil. É um município pequeno como a maior parte das cidades do estado, onde 166 municípios têm menos de 10 mil habitantes. Quantas delas não podem seguir o exemplo de Anchieta?”, argumentou.

Para Pereira, que é prefeito de Araquari, na região Norte, a pandemia trouxe “muita coisa ruim” e desafios para que a sociedade pudesse se reinventar. “Na educação, os pais, alunos, a rede de ensino, todos sofreram muito e tiveram que se reinventar. Muito do que está se mostrando aqui na Alesc hoje surgiu na pandemia”, avaliou.

O prefeito de Agrolândia, José Constante (PP), que é o vice-presidente da Fecam, comentou que a meta do evento foi socializar inovações e mostrar novas formas de conduzir a educação. “E isso é algo que não depende do tamanho da cidade. Temos aqui exemplos de municípios com menos de 5 mil habitantes que têm boas práticas e temos também Florianópolis, que é a capital do Estado e tem mais de 500 mil habitantes. Todos mostram que, com baixo custo e usando a criatividade é possível gerar melhoria da qualidade da educação”, afirmou.

Exemplos

Entre muitos projetos inovadores apresentados no evento, Santa Catarina esteve presente de ponta a ponta, com municípios como Anchieta no Extremo Oeste e Florianópolis na grande litoral.

Vargeão, um município de pouco mais de 3.500 habitantes, apresentou uma ideia revolucionaria para a vida de educadores, profissionais da educação e alunos da rede municipal de ensino, sendo um dos projetos que mais conseguiu chamar a atenção dos presentes e que mais impacta na vida escolar, preparando nossos profissionais para em sala de aula conseguir produzir ainda mais e dando melhores condições de ensino para nossas crianças.

No evento, o Prefeito Volmir Felipe, a Secretária de Educação Carmen Raymundi e a Psicóloga Escolar Pricila Tobias, explicaram como funciona o Programa “Cuidando de Quem Cuida”, implantado neste ano de 2021, em virtude do momento pandêmico que o mundo vive, destacando as ações que compreendem o programa e um recente prêmio que o município conseguiu em nível nacional da empresa OPET/SEFE. Na oportunidade, um vídeo explicativo além de uma narrativa do Programa “Cuidando de Quem Cuida” foi apresentado na 1ª amostra realizada pela FECAM E ALESC.

Com 300 participantes inscritos, para o modo virtual e presencial, a mostra apresentou ainda casos de sucesso dos municípios de Barra Velha, Caçador, Campos Novos, Joaçaba, Rio do Sul, São Bento do Sul, São João do Oeste, São Joaquim, Timbó, Tubarão e nosso município, Vargeão. Participam ainda a Confederação Nacional de Municípios (CNM), Fórum Estadual da Educação, União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime-SC), Centro de Apoio da Infância e Juventude (CIJ) do Ministério Público de Santa Catarina, Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina e, pela Alesc, as comissões de Educação, Cultura e Desporto e de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente.


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar